No dia 26 de agosto de 2013, a CPA – Comissão Própria de Avaliação, reuniu-se para divulgar o Programa de Avaliação Institucional 2013 e discutir sobre a importância da Auto-Avaliação para a comunidade acadêmica e para indicadores que norteiam ações do MEC durante avaliações externas. A Avaliação Institucional compreende o objetivo de implantar um processo institucionalizado e contínuo de avaliação, utilizando indicadores que considerem aspetos relativos ao conjunto da instituição, tendo como principal foco os cursos de graduação e, como perspectiva, a progressiva análise da entidade como um todo.

 Os objetivos específicos da avaliação institucional são, em síntese, os seguintes:

  •  Mobilizar a participação de todos os setores para a discussão de projetos e necessidades da instituição;
  • Repensar a missão, os objetivos, modos de atuação e resultados, considerando a carta de princípios que levou à criação de cada uma das faculdades e à sua integração na UNEOURO e a inserção da instituição em uma sociedade em constante mudança;
  • Impulsionar um processo criativo de crítica e de construção com vistas a gerar um ambiente acadêmico efetivamente comprometido com a qualidade;
  • Privilegiar o debate em torno da graduação, considerando as relações entre ensino, pesquisa e extensão;
  • Prestar contas à comunidade acadêmica, indicando propostas de superação de pontos fracos e a consolidação de seus pontos fortes;
  • Estruturar um banco de dados capaz de dar suporte ao processo de avaliação institucional, entre outros.

A partir do dia 04 de setembro inicia-se o processo de conscientização e divulgação para o corpo docente e discente e a partir de 1º de outubro inicia-se o processo de aplicação dos questionários que serão analisados para a elaboração de relatórios que servirão para consulta da Instituição e do MEC.